“Eu sei quem eu sou e quem posso ser, se eu desejar”. Miguel de Cervantes

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

O Navio Negreiro de Castro Alves

6 comentários:

  1. Fiquei muito emocionada com a declamção desse poema. Éric e Angelina fizeram uma excelente apresentação. Parabéns! "A arte é individual como criação e plural como significado".(Frederico Morais)

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário! Siga o nosso Blog e veja as principais notícias da EEEP Wellington Belém de Figueiredo.